Acórdão do Tribunal da Relação de Lisboa. Trata-se de um caso que correu termos no nosso escritório. Um cidadão foi ilegalmente detido, resistiu à detenção, o MP quis levar a julgamento mas o TRL entendeu que a resistência era adequada.

Ver aqui o acórdão da relação.